Close

Blog

Conheça a importância da reciclagem do cobre

Estima-se que o cobre tenha sido usado pela primeira vez pelo homem há mais de 10 mil anos. E durante todo esse período, tanto o metal como suas ligas foram reciclados. Dizia-se que uma as maravilhas do mundo, o Colosso de Rodes, uma estátua do titã-deus do Sol da mitologia grega, Helios, que se estendia ao longo da entrada do porto de Rhodes, era feita de cobre. No entanto, não restou nenhum vestígio do monumento, uma vez que ele foi reciclado para a confecção de outros objetos. 


Hoje o cobre é altamente valorizado pelo mercado da reciclagem, já que este metal é um excelente condutor de eletricidade. Essa condutividade (tanto elétrica como térmica), juntamente com a alta maleabilidade, fazem do cobre um dos metais mais demandados pela indústria.


Além do uso na eletricidade, o cobre também é utilizado para fabricar tubos, chapas para cobertura de telhado, trocadores de calor etc. Nesses casos, não é necessário um alto grau de condutibilidade elétrica e os outros requisitos de qualidade não são tão onerosos. O cobre secundário pode ser utilizado na produção desses materiais, embora dentro de um limite estipulado para impurezas.

 




Benefícios ambientais


Tal como acontece com outros metais, a reciclagem do cobre traz benefícios ambientais significativos. Quando extraído da natureza, durante a mineração e o refino (purificação) do cobre, são produzidos poeira e gases residuais, como o dióxido de enxofre, que podem ser prejudiciais ao meio ambiente. Embora esses efeitos sejam minimizados pelos produtores de cobre (o dióxido de enxofre é capturado e usado para fazer ácido sulfúrico), com a reciclagem, há pouca ou nenhuma emissão de gases nocivos.


Além disso, é mais barato reciclar cobre antigo do que minerar e extrair o metal virgem da natureza. O cobre reciclado vale até 90% do custo do cobre original e a reciclagem contribui para manter baixo o custo dos produtos que tenham cobre em sua composição.


Para se ter uma ideia, um computador pode conter cerca de 1,5 kg de cobre, uma turbina eólica cerca de 5 toneladas e uma bateria de celular 3,5 gramas de cobre. Considerando que o cobre pode ser totalmente reciclado e reutilizado continuamente, sem qualquer perda na qualidade.


Em 2014, 2,1 milhões de toneladas de cobre foram reaproveitadas na Europa, provenientes de produtos eletrônicos, fios, cabos e outros materiais. Este aumento na reciclagem do cobre vem sendo impulsionado pelo crescimento do uso deste metal em todo o planeta e pela demanda por novas tecnologias.


Por isso, é muito importante descartar o lixo eletrônico em locais apropriados, para que o cobre e outros metais sejam reaproveitados evitando a necessidade de extração dessas matérias-primas da natureza.